Main Menu

Conheça a Fema

tecnologia de alimentos homeConheça o novo curso da Fema

Formação abrangente permite ao profissional amplo mercado de trabalho

Escrito por Silvio Moura

Assessoria de Comunicação Fema

 

O Vestibular 2017 da Fundação Educacional do Município de Assis continua a trazer novidades. Um dos cursos inéditos é o de Tecnologia de Alimentos, que forma profissionais para atuar em indústrias alimentícias.

Para que alimentos e bebidas cheguem à casa dos consumidores de forma saudável, o trabalho do técnico de alimentos é fundamental. É ele quem garante a qualidade de tudo o que é consumido. 

A capacitação desse profissional é essencial para o setor alimentício. Atenta a esse quadro, a Fema traz o curso de Tecnologia de Alimentos, com duração de 3 anos.

Mesclando teoria e prática, o aluno tem uma formação ampla desde disciplinas como Química e Microbiologia à Tecnologia de Produtos de Origem Animal, de Produtos Vegetais, de Óleos e Gorduras, e Embalagem.

Essa abrangência proporciona ao técnico de alimentos dinamismo e uma visão sistêmica de projetos. Com isso, o profissional tem muitas opções no campo de trabalho da indústria de alimentos e bebidas. Em linhas gerais, ele está presente em áreas de controle de qualidade, supervisão de produção e desenvolvimento de novos produtos.

A rotina de trabalho desse profissional, dentre outras responsabilidades, inclui o controle da produção, aplicação de tecnologia para conservação dos alimentos, como pasteurização, fermentação e congelamento.

Há espaço ainda para o gerenciamento de projetos e de laboratórios de qualidade. O perfil técnico-analítico, favorável à criação de novos produtos, incentiva também a prática empreendedora.

O curso de Tecnologia de Alimentos da Fema está entre as graduações apresentadas no Vestibular Fema 2017. Os candidatos têm até o dia 8 de novembro para fazer as inscrições, gratuitas, no campus da fundação ou no www.fema.edu.br. Mais informações no site da Fema e no telefone 3302-1055.

 

SAIBA MAIS: TECNOLOGIA DE ALIMENTOS 

MAIS NOTÍCIAS DA FEMA